Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Capitão!

06.07.16

Anda por aí a circular um vídeo onde se vê o Cristiano Ronaldo a motivar o João Moutinho para marcar o penalty contra a Polónia.

Mas eu partilho aqui a versão completa, onde se fica com uma noção melhor daquilo que é a dimensão do nosso Capitão.

O seu empenho, a sua dedicação, o seu sofrimento e a sua capacidade de liderança.

Numa palavra, o seu trabalho.

Porque o Cristiano Ronaldo é muito mais do que aquilo que as câmaras mostram habitualmente, bem-vindos aos bastidores da Selecção.

 

P.S. desculpem a origem na tv7dias mas não encontrei outra fonte...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:33


6 comentários

Imagem de perfil

De Sr. Solitário a 06.07.2016 às 09:47

Tantas críticas a este grande jogador e continuo a não perceber porquê. Eu não gosto de futebol, acredito que seja um grande jogador porque já foi premiado imensas vezes com o título. Mas quando ela erra, todos o apontam! Deixa de ser o melhor quando erra? Afinal errar não é humano? Que criem máquinas perfeitas, robôs então!
Imagem de perfil

De Fernando Caeiro a 06.07.2016 às 10:11

Deve ser uma pressão insuportável ser-se escrutinado 24 horas por dia.
Ele não consegue ir beber um café sem que o mundo todo não seja notificado.
Ainda por cima é uma vedeta global; os outros podem ir a Badajoz ou a Vigo e ninguém os conhece - ficam livres das câmaras.
O Cristiano Ronaldo não pode bocejar na Nova Zelândia que todo o mundo vai comentar que ele se calhar fez uma noitada.
Foi também por isso que abdiquei do meu sentido crítico.
Para mim ele está sempre bem e tem sempre razão.
É o meu direito à irracionalidade
Sem imagem de perfil

De Paulo a 06.07.2016 às 22:56

É fodid.. ser bonito e rico!
A inveja é fodid...!
E o que não falta à psique portuguesa, é inveja....

O que ele tem demonstrado sobretudo, é que não se esconde! Compreendo perfeitamente o Moutinho. O Kuba (polaco cujo penalty foi defendido pelo R Patricio), deve ter ficado destroçado. O Ronaldo, para além de não se esconder, foi o primeiro a marcar, mesmo tendo sofrido na pele o seu falhanço contra a Austria.

E, como estou a escrever após a meia final, também digo que nessa meia final ele não se escondeu.
Imagem de perfil

De Fernando Caeiro a 06.07.2016 às 23:30

Contras as probabilidades, nasceu para ser grande :)
Sem imagem de perfil

De Paulo a 07.07.2016 às 22:06

Pois não concordo contigo. (Desculpa lá a familiaridade)
O Ronaldo fez-se!
E com 31 anos, aparenta ter tanta fome de ganhar quanto um puto de 15...
Imagem de perfil

De Fernando Caeiro a 07.07.2016 às 23:16

Mas foi precisamente por isso que escrevi "contra todas as probabilidades".
É evidente que se fez.
Mas a tenacidade e o génio estavam lá e isso não são características que se aprendam - têm-se e cultivam-se.
Ainda me lembro de ele, com 16 ou 17 anos, a dizer: "se vocês acham que eu sou bom, haviam de ver o Paím". Só que o Paím tinha o génio mas faltava-lhe a tenacidade.
Se o Ronaldo quisesse ser violinista, teria sido o melhor violinista do mundo.
Ele seria o melhor do mundo no que quer que seja que decidisse ser :)

(obrigado pela familiaridade!)

Comentar post



O LIVRO

Capa_OK


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D