Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Deuses vivos

03.07.16

Com a morte do Bowie fui outra vez confrontado com facto de os meus Deuses não serem eternos.

E o desaparecimento do Prince uns meses depois só veio reforçar o a sensação de risco de perda.

É inevitável que às tantas se façam as contas a quem já partiu e a quem ainda anda por cá.

Cada um terá os seus vivos favoritos; para uns o Dylan para outros o Jagger.

Eu lembro-me sempre do Tom Waits, da Patti Smith, do David Byrne, da Joni Mitchel, do Keith Jarret...

Mas há uns dias, às voltas com as arrumações dos discos, lembrei-me num misto de alegria e receio... porra, a Aretha Franklin ainda está viva.

Caramba, espero que fique por cá muitos e bons anos.

Mas fiquei com um sabor amargo na boca - ainda vem aí muito desgosto de amor...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:16



O LIVRO

Capa_OK


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D