Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Time.jpg

E chegou o momento tão aguardado de eleger a Personalidade do ano 2016.

Para mim a PERSONALIDADE DO ANO é a CATARINA ALMEIDA!

Depois de no ano passado me ter eleito a mim mesmo, achei que este ano podia parecer menos imparcial repetir a escolha.

Por essa razão resolvi eleger uma pessoa que conheci em 2016 e que me deixou (e continua a deixar) espantado com a energia, generosidade, bom-gosto, e se me ponho aqui a discorrer adjetivos não me calo.

A Catarina é mãe de 3 filhos e conheci-a por causa da sua página Happy Wife, Happy Life. Mas depois descobri que que para além dos dois full-times (no emprego e em casa) ainda criou o projeto Princess Pea, dedica-se a um outro negócio familiar (o Sr. Showriço) e ainda arranja tempo para o teatro amador.

Bom, a página Happy Wife, Happy Life está em banho maria (à espera que a dona tenha tempo) mas quem a seguia sabe que aquilo tinha potencial e os posts registavam uma adesão invulgar para o número de seguidores.

Já a Princess Pea é um projeto que têm mesmo que conhecer e que alia a produção nacional à ilustração portuguesa.

O que fazem é convidar ilustradores portugueses para desenharem objetos de uso quotidiano (das agendas aos guarda-chuvas passando pelos chinelos ou aventais) e o resultado é lindo.

São produtos 100% portugueses, giros que se fartam, e é uma pena que este projeto não seja mais conhecido.

Quanto ao Sr. Showriço serve as melhores bifanas que podem experimentar quando vão a um grande concerto, evento ou festival de música.

Em Paredes de Coura é a minha cantina (no Primavera no Porto intercalo com o pernil no Guedes por uma questão religiosa).

Mas atenção, a Catarina não é uma “gerente” distante; é uma mulher de trabalho.

Tão depressa está no atelier a congeminar a próxima peça da Princess Pea como vem à feira do livro vendê-las no seu stand, como na semana seguinte vai fazer pão com chouriço num concerto dos AC/DC.

E ainda faz teatro amador; sabem o que é que ela fez no Natal? Fez de burro no Musical do Shrek.

Esta mulher tem tanto tempo livre que ainda representa e canta um dos papéis principais de um musical (com tudo o que isso significa em termos de disponibilidade mental, tempo para ensaios, etc).

Tudo isto com um emprego, duas empresas e uma família numerosa.

Mas apesar da sobrecarga, a Catarina é a pessoa que vai abraçar qualquer projeto para o qual a convidem se o achar aliciante (sei-o por experiência própria).

E faz isto tudo com um sorriso e o ar de que tudo isto é normal.

Num País onde tantas mães-de-filho-único se julgam especiais só porque tiveram um filho e ainda se queixam de que não têm tempo para nada por causa da cria, a Catarina representa a energia, o optimismo e a humildade que falta às outras.

A Catarina é a maior!

Bom, por acaso o marido é uma joia e o filho mais velho é um amor (que é para a moça não ficar com os elogios todos para ela).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:20



O LIVRO

Capa_OK


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D